+REVIEW - Vende-se Esta Casa

20:34 0
O mais novo suspense da Netflix é uma obra ou apenas mais um filme?

Olá seres humanos! como estamos?

Hoje trazemos a vocês uma review sobre o mais novo filme de suspense Original Netflix: 'Vende-se Esta Casa'

Agora, sei o que pode estar pensando, quando pensamos em Netflix já vêm na nossa cabeça filmes de vários gêneros pra todas as idades, ou seja, pode ter de tudo, bom ou ruim, correto? Mas... quando pensamos em um Original Netflix, a expectativa sobe (pelo menos para quem vos fala). Mamãe Netflix nunca nos desapontaria... não é? Não depois do maravilhoso Sense 8, o fabuloso Orange is The New Black e outros conteúdos Originais Netflix que ganharam nosso coração.
Depois disso tudo, você pode pensar que Dona Netflix arrasaria nesta proposta de suspense.... só que não...

'Vende-se esta casa' conta a história de uma mãe, Naomi Wallace, e o seu filho, Logan Wallace, que se mudam para uma casa de parentes desocupada nas montanhas após um acidente que matou o pai da família ( não é spoiler, acontece logo no inicio do filme, tá? ).


Ambos se mudam para uma casa (ou melhor, mansão) numa cidadezinha pequena e montanhosa; eles decidem ficar lá temporariamente enquanto se recuperam emocionalmente da perda.
Nota: A casa pertence a irmã da principal e está a venda, eles estão se mudando temporariamente, até a casa ser vendida. (isso só é relevante pro título do filme mesmo, mais nada...)

E lá... coisas estranhas começam a acontecer...Mas nada que nunca tenhamos visto antes num filme de suspense. A verdade é essa: é bem clichê e o final não agrada... simples.

O filme pegou o Manual de Filmes de Suspense para Iniciantes 101, jogou tudo na panela, misturou com clara de ovos e meia xícara de leite pra ser uma trama que não prende o telespectador muito menos dá uma finalização para a história.

'Vende-se esta casa' têm tudo o que você pode achar num filme de suspense comum:

1- Uma tragédia inicial que impulsiona a história e fica martelando de vez enquando pra causar mais intriga entre os personagens principais: a perda do pai;

2- Uma vizinha louca velha da cidadezinha que deixa bem claro que tem algo errado com os arredores em si só pelo fato dela estar lá;

3- Tem o mocinho, o homem charmoso que está sempre querendo ajudar os principais e você sempre vai desconfiar dele porque sim!

4- Um dos principais é descrente no inicio enquanto o outro tenta alertar sobre tudo o que está acontecendo... E este principal sempre se arrepende no final, não é verdade?

5- A casa é gigantesca, literalmente uma mansão linda de madeira no topo da montanha (quer coisa melhor?), mas as únicas coisas que são exploradas são a cozinha (muito brevemente), a sala (muito brevemente), o banheiro (aposto que conseguem imaginar que tipo de cena.. Exatamente! Alguém está sempre tomando banho) e os quartos dos principais porque eles dormem.

6- Também tem um porão, mas esse precisa de um tópico a parte afinal é um porão num filme de suspense... preciso dizer mais? As portas abrem e fecham miraculosamente e não, a luz no porão nunca funciona mas, ei, tem uma lanterna convenientemente posicionada ao lado da porta do porão então não a nada a temer.

7- E também tem os telefonemas loucos aleatórios onde nunca tem ninguém na outra linha.

E é basicamente isso.

Todo o filme gira em torno de jumpscares não muito eficazes e uma tentativa de entender o porquê de aquilo tudo estar acontecendo. Além da trilha sonora básica de suspense para criar aquele clima de tensão e insegurança; Não que isso seja repreensível, afinal, funciona mas se torna previsível ao ponto que quando a música vai aumentando e do nada para, você sabe que o "susto" virá, entende?

O final é bastante corrido (figurativamente e literalmente), o conteúdo poderia ter sido melhor explorado se dispersado durante as 1h34min de duração do longa, o que não foi; na verdade, muitas cenas são totalmente dispensáveis para a história em sí. Além disso, a finalização deixa muito em aberto, deixando a sensação que o filme está incompleto.

Mas, agora você pode se perguntar, por que assistir o filme?

Sinceramente, a história em sí não é um desses motivos, mas todos temos momentos nos quais queremos assistir algo que não necessariamente necessitamos nos esforçar pra entender muito menos ficar focados na trama o tempo todo.

É um filme perfeito para aquela tarde de preguiça na qual você vai passar mais tempo olhando no celular ou conversando com visitas do que pra televisão (ou computador, que seja) e quer que mesmo tendo distrações não vai perder nada do filme.



Outro motivo é que os atores realmente se esforçam no filme; Mesmo com o enredo bem fraco, pode-se dizer que os atores são fiéis.

O filho, Logan, é vivido pelo ator Dylan Minnette (Clay de 13 Reasons Why) e a mãe, Naomi, é interpretada pela atriz Piercey Dalton (Tessa de Foreman).






Pontos Positivos:

1 - Os cenários são lindos; agrada os olhos
2- É perfeito para um quando você não quer pensar muito no que está assistindo
3- Os atores realmente se esforçam

Pontos Negativos:

1 - É clichê
2- O final não agrada
3- A história não prende

Nota:
4,0


E ai, gostaram? Acharam que faltou algo? Qualquer elogio, crítica e sugestão é bem vinda.

0 Comentários para "+REVIEW - Vende-se Esta Casa"